terça-feira, 24 de abril de 2007

E a resposta, camarada?

Na véspera da comemoração dos 33 anos do 25 de Abril resolvi dar uma espreitadela ao que isto (leia-se Portugal) era antes da revolução. Memórias pessoais não tenho uma vez que tinha apenas 10 meses quando aconteceu.
Na minha demanda encontrei esta pérola:



Fiquei encantada quando vi isto.
Encantada por ter nascido quando este Portugal se estava a transformar e poder viver a minha vida num país melhor do que aquele em que viveu a minha mãe.
Encantada por saber o que é um latifúndio sem ter de perguntar a um barbudo qualquer. Encantada por não ser aquela mulher que colocou a questão e que de certeza saiu de lá a saber o mesmo.
Encantada por não ter hoje à minha volta homens que se dirigem às mulheres dizendo que são “companheiras que nos vão AUXILIAR para TODA a NOSSA vida”.
Aquela mulher “libertou-se dos complexos” ( e a ver pelo resto da audiência dos lenços também) mas isso não foi suficiente para ter direito a uma definição de latifúndio. E nós, mulheres, hoje sabemos o que é um latifúndio mas ficamos sem saber o que este gajo acha que as mulheres merecem em troca. Ele assegura-nos que colonizá-las não é. Uff, que alívio!
Não sei se esta senhora ainda vive. Espero que sim e, se algum dia passar por aqui não hesite em ir até à caixa de comentários e diga-nos: já sabe o que é um latifúndio?

3 comentários:

Okelani disse...

Eu sugiro uma sondagem nacional para ver quem sabe o que é um latifúndio!!!

Tenho dito!

Anónimo disse...

Olá amiga... quer dizer que não gostaste do grande discurso deste proeminente cidadão nacional? Melhor que explicar o latifúndio, decidiu falar de algo mais importante..a mulher! É uma pérola este video! td de bom! Beijos. Rick

nitpicker disse...

Rick, aprecio qualquer homem que valorize as mulheres, mas aprecio mais ainda aqueles que respondem às perguntas que elas lhes fazem. E não consigo deixar de pensar que o discurso pro-feminino foi para fugir à pergunta que ele parece não saber responder. Mas la que isto é um mimo, é! Beijoca grande e se eu algum dia te perguntar o que é um latifundio é bom que tenhas a resposta na ponta da lingua!